Pensamento Interativo

O digital invadiu o real:
a palavra da vez é integração.

Não se fala em outra coisa: no último domingo (05/02), ocorreu o Super Bowl LI, um dos eventos mais assistidos do mundo inteiro. Teve direito a vitória de virada (e lavada), um dos shows de intervalo mais marcantes, e, é claro, as interações do público via redes sociais!

Falando em números: a audiência do jogo foi de cerca de 111 milhões de pessoas e estima-se que mais de 70% das TV’s dos EUA estavam conectadas no Super Bowl), e havia mais de 190 milhões comentando o mesmo evento via internet.

Enquanto as pessoas usavam hashtags no twitter, como #superbowl, #SB51 e #patriots, por exemplo, tornando o evento um trending topic mundial, muitas marcas também quiseram entrar nessa, mas de uma maneira mais convencional: fazendo anúncios (milionários) de 30 segundos ou 1 minuto para a TV.

Um dos mais comentados nas redes sociais foi o da empresa Airbnb. Ele foi considerado um dos melhores por conta da mensagem transmitida indiretamente ao presidente dos EUA, Donald Trump.

Outro comercial bastante comentado foi o da Coca-Cola, na qual seguiu a mesma linha de pensamento do comercial da Airbnb.

Além dos comerciais de TV, não podia deixar de haver, também, ações das marcas dentro das redes sociais. Uma pesquisa feita pelo site MediaKix

mostra a importância das ações de marketing para os anunciantes durante o evento.

O estudo revela que mais de 70% das pessoas que assistem ao jogo usam seus smartphones e tablets para permanecer conectados, também, nas redes sociais. É a famosa segunda tela dominando.

Além disso, o live streaming também é uma ação que começou a crescer no evento desde o ano de 2015. Mais de 2,5 milhões de pessoas assistiram o Super Bowl via live streaming em 2015, e, em 2016, esse número aumentou para 3,96 milhões.

Uma das marcas que se dispôs a entrar nessa pegada foi a Snickers, liberando um comercial ao vivo durante o jogo. Ou pelo menos foi o que nos fizeram pensar.

O comercial foi tão comentado nas redes que a hashtag #SNICKERSLive também ficou entre os TT’s mundiais.

Já falamos aqui da importância dos serviços de streaming para os negócios. Podemos perceber a importância que o digital está tendo para as marcas. Se, para alcançar 111 milhões de telespectadores foi necessário um grande investimento de mídia, o quanto não seria necessário para atingir mais os 190 milhões que estavam presentes 100% no digital? Mais uma vez confirmamos que a separação offline x online não existe mais: um é o complemento natural e indispensável do outro. E você, o que achou dessas ações?

Quem escreveu:

dizain
Comente

Comentários